Doenças renais matam 51 mil americanos em 2018, e no brasil?


Embora não seja mencionado ao mesmo tempo que outras causas importantes de morte, como doenças cardíacas, câncer ou derrame, doença renal (incluindo nefrite, síndrome nefrótica e nefrose) foi a nona causa principal de morte nos EUA em 2017 e 2018. Ela causou mais de 51.000 mortes em 2018, ou 15,7 mortes por 100.000 americanos.


Os estados com as maiores taxas de mortes por doença renal foram Missouri (2,45% das mortes), Virgínia (2,36%), Illinois (2,34%), Delaware (2,23%) e Carolina do Norte (2,19%).


A situação no resto do mundo não é muito diferente, estima-se que haja atualmente 850 milhões de pessoas com doença renal, sendo que a Doença Renal Crônica (DRC) causa pelo menos 2,4 milhões de mortes por ano.


Já no Brasil a estimativa é que mais de 13 milhões de pessoas sofram com tal moléstia, sendo que dessas 95 mil estão em estagio grave, dependendo de hemodiálise ou estão na fila de transplante, nossa média de casos aumenta na casa dos 10% ao ano, um fato verdadeiramente alarmante!


Fonte: MDLINX / CRM – MA / Ministério da Saúde.


Acompanhem o perfil para informações diárias, relevantes, de fácil absorção, sempre com fontes declaradas! Faça mais 1 minuto de seu dia valer apena!


* Baixe um sistema de gestão para sua clínica ou consultório gratuitamente, acesse o link:

https://www.globalsolucoesinformatica.com.br/free


Sistemas e agendas para todas as especialidades da saúde, consultórios odontológicos, medicina, psicologia, fisioterapia, estética, etc!

VOCÊ ESTA NO BLOG DA GLOBAL SOLUÇÕES INFORMATICA, UMA EMPRESA DE SOFTWARE PARA GESTÃO PROFISSIONAL DE CLÍNICAS E CONSULTÓRIOS!

CONHEÇA NOSSOS PRODUTOS, NAVEGUE EM NOSSO SITE, BAIXE JÁ SEU SISTEMA DE GESTÃO, É GRATUITO!

#saude #clinica #medico #medicina #doutor #dentista #dentistas #secretaria #secretária #consultorio #consultorioodontologico #consultório #clínica #psicologiaclínica #clinicas #fisioterapia #fisioterapeuta #psicologia #psicóloga #psicología #psicologiaclinica #consulta #cardio #cardiologia

5 visualizações0 comentário